Animais

Os cães podem comer melancia

Pin
Send
Share
Send
Send


Bem, a resposta é sim. Sim, os cães podem comer melancia. Somos informados pelos amigos do American Kennel Club. 🍉

No que diz respeito às frutas, não é contraindicado de forma alguma. A fruta em si é uma fonte de alimento saudável, baixa em calorias e cheia de nutrientes: vitaminas A, B6 e C e potássio, por isso é uma fonte de energia e saudável para nossos filhotes. Mas sim, você precisa tomar precauções.

As sementes

As sementes podem causar obstrução intestinal, portanto, remova-as antes de oferecer melancia. E, mais do que provável, também não é uma boa ideia permitir que um cão mastigue a concha, pois pode causar distúrbios gastrointestinais.

Frutas, em geral, e melancia, em particular, têm muito poucas calorias e uma alta porcentagem de água, sendo ideal para oferecer hidratação em um dia quente. Nem tem gordura ou colesterol.

Quanto à questão das sementes, os melões sem sementes estão no mercado há muitos anos, por isso é uma opção para você economizar trabalho e obter segurança, no entanto, é preciso tomar precauções, porque esses melões nem sempre estão isentos de qualquer.

Benefícios da melancia para cães

Com um teor de água de aproximadamente 92%, cheio de vitaminas e minerais e com poucas calorias, o torna um lanche ideal para qualquer hora do dia. Para que nossos cães tirem proveito de todos os seus benefícios, é necessário remover a casca e as sementes.

As vitaminas e minerais mais importantes que encontramos na melancia são:

    Vitamina C. Ação Antiox>

Melancias, ao contrário de outras frutas, contêm baixos níveis de açúcar, portanto, não representa um risco para os níveis de açúcar no sangue do seu cachorro.

Melancia para cães: possíveis efeitos colaterais

O consumo de melancia para cães deve ser limitado exclusivamente à polpa. Antes de servir uma porção, é necessário remova todas as sementes e casca.

A melancia não contém substâncias tóxicas para cães, no entanto, a casca é de consistência dura, difícil de digerirr. Seu consumo causará dor de estômago, a gravidade dependerá da quantidade consumida.

As sementesenquanto isso, não são digeríveis, então podem produzir obstrução gástrica. Para evitar esse risco, é melhor oferecer a variedade de melancia sem sementes.

Finalmente, a melancia é baixa em calorias e não deve ser considerada como o principal ingrediente da sua dieta, devido ao risco de causar deficiências nutricionais.

Como oferecer melancia aos nossos cães

Melancia é uma excelente opção de premiação para nossos cães. Seu alto suprimento de água faz dele um tratamento ideal, o que também os manterá hidratados. A melancia pode ser comida por um cão adulto, como um filhote de cachorro, sem problemas.

A melhor maneira de oferecer é fresco, descascado na hora e sem sementes e casca. Além disso, você pode congelar em pedaços ou liquefazer para transformá-los em deliciosas sobremesas congeladas.

Embora você possa optar por cozinhá-los, a verdade é que isso não é recomendado, você perderá um pouco da água, além do sabor.

Lembre-se de começar com pequenas porções e observe quaisquer sinais de alergias ou dores de estômago. Sempre, consulte o seu veterinário antes de introduzir um novo alimento para o seu animal de estimação.

Cuidado com a frutose

Seu cão é mais suscetível à frutose do que um ser humano. Portanto, se os especialistas já determinaram que o açúcar é um veneno metabólico para você, imagine o que ele pode fazer com seu animal de estimação.

Você deve limitar a quantidade de frutas doces na dieta do seu cão e, acima de tudo, levar em conta que a dose deve ser pequena e relacionada ao seu tamanho e peso.

Posso dar frutas ao meu cachorro?

Continuamos falando sobre os riscos potenciais que alguns alimentos que damos aos nossos cães têm. Hoje falamos de frutas. Há mais informações em nosso site www.tuveterinario.info.

Mas a melancia não é apenas frutose e é por isso que não é ruim que você a entregue ao seu amigo peludo, porque esta fruta generosa também contém os benefícios de vitaminas e minerais, bem como de prebióticos, essenciais para se manter saudável flora intestinal.

Portanto, seu cão também merece desfrutar da melancia crocante, requintada e suculenta, especialmente nos dias de verão em que a temperatura aumenta e todos, inclusive nossos animais de estimação, têm muita sede.

Fruta natural para o cão

A melancia é um dispensador de vitaminas que dará muita energia ao seu amigo de quatro patas. Tem um baixo teor calórico e, ao mesmo tempo, fornece os nutrientes que farão com que você fique mais divertido.

De fato, muitos donos de cães relataram que os alimentos comerciais perderam nutrientes importantes, por isso decidiram complementar a dieta de seus animais de estimação com frutas como a melancia.

Os alimentos comerciais não possuem antioxidantes e outras vitaminas e substâncias benéficas que contêm alimentos naturais, como a melancia.

São esses componentes presentes na deliciosa melancia que podem garantir a saúde do seu cão a longo prazo.

E é que uma melancia boa e madura é um alimento que está em sua condição original e preserva os nutrientes e antioxidantes essenciais para fortalecer o sistema imunológico do seu cão.

De um filhote de cachorro pode comer um cão melancia

Melancia pode prevenir doenças como câncer ou doenças cardíacas em seu cão. Também é rico em fibras e, embora seu cão não precise muito, tomar pequenas quantidades beneficiará seu sistema digestivo.

A idéia, então, é introduzir a melancia na dieta de seu companheiro peludo, já que ele é um filhote, porque haverá a chave para aceitar essa fruta maravilhosa. Quando o cão come melancia de um filhote, ele se acostuma e come com prazer sem precisar misturá-lo com outros alimentos.

Um bom conselho a seguir é cortar a melancia em pedaços para evitar que a casca ofereça resistência à lata.

Antioxidantes essenciais para o animal

Os alimentos que fornecem antioxidantes são obrigatórios não apenas na dieta humana, mas na do seu cão. Esse pigmento vermelho encontrado na carne suculenta da melancia é o licopeno, um antioxidante valioso que tem um efeito insuperável nos radicais livres.

O licopeno reduz o risco de câncer, doenças cardíacas e outras doenças no seu cão. Mas há mais benefícios que a melancia pode oferecer ao seu companheiro canino.

Depurativo e limpador

Você pode dar suco de melancia ao seu cão para saciar a sede em um dia quente. Mas essa fruta também é reconhecida como um magnífico limpador natural dos dentes do cão.

Da mesma forma, a melancia contém clorofila, um elemento que purifica o sangue do seu animal de estimação, enquanto elimina o excesso de líquido devido às suas propriedades diuréticas.

Os cães podem comer casca de melancia?

Não, os cães não podem comer a casca. Embora se diga que para os seres humanos tenha benefícios à saúde, a casca de melancia é muito difícil de digerir e pode levar a problemas gastrointestinais. Portanto, certifique-se de dar ao seu cão apenas a parte carnuda dessa fruta.

Frutos saudáveis ​​para cães: Mirtilos e Amoras

Excelente e cheio de vitaminas e antioxidantes, mas devemos dar a eles de vez em quando, pois em excesso ou continuamente eles podem não ser benéficos.

Lembre-se de que também existem frutas que NUNCA eles devem comer, porque são muito tóxicos para eles, como uvas. Convidamos você a consultar a lista de alimentos altamente tóxicos para o seu cão: Alimentos tóxicos e proibidos para nossos cães.

Melancia para cães: algumas precauções.

Nós lidamos com a questão das sementes de frutas frequentemente nesses artigos, e o assunto se infiltra de maneira irritante mesmo aqui. Em essência, muitas sementes de frutas (em quantidades concentradas) podem ser muito prejudiciais para o seu cão.

Como outras sementes, as sementes de melancia contêm cianeto. (Outros conhecidos como glicosídeos cianogênicos, um produto natural nocivo que os cães não podem comer).

Somente comendo algumas sementes de melancia, seu cão pode sentir dor na barriga. Muitas sementes de cada vez, ou uma dieta prolongada delas, certamente causarão sérios problemas estomacais ao cão.

Os cães podem comer melancia? Considerações finais Até que as sementes e por razões de segurança a pele seja removida, seu cão certamente apreciará sua melancia suculenta. Uma mordida de verão fabulosa.

Quanta melancia posso dar ao meu cachorro?

Como com qualquer fruta que seja segura para os cães comerem, você deve dar melancia ao seu cão apenas com moderação. A razão para isso é que os cães não conseguem digerir as frutas tão bem quanto nós, então grandes quantidades podem causar desconforto digestivo e levar à diarréia.

Ao introduzir esta fruta no seu cão, comece devagar. Comece com 1 ou 2 pequenas fatias de 1 polegada. Isso lhe dará a oportunidade de ver como o seu cão reage. Se o seu cão não tiver problemas para digeri-lo, você poderá aumentar gradualmente essa quantidade. No entanto, eu não recomendaria dar ao seu cão mais de 4 ou 5 fatias de 1 polegada em uma única sessão.

Ao dar ao seu cão essa fruta, ela deve ser considerada apenas um presente. Ele ainda precisará da comida de cachorro de qualidade para obter sua ingestão diária de proteínas.

Pin
Send
Share
Send
Send